Franz Schubert, um fantástico melodista

Saudações musicais, queridos Quartiers!


Hoje vou falar com vocês, de um compositor, do qual tenho especial carinho, o austríaco Franz Peter Schubert. Considerado como um dos maiores melodistas da história da música que lamenta sua precoce perda aos 31 anos de idade.

Meus netos, quando entram no carro, frequentemente falam: Vó, coloque aquela música do peixinho.... Vocês não vão acreditar, mas se trata da obra A Truta (Die Forelle)de Schubert, onde musicalmente imaginamos os movimentos de uma truta. Como podem ver, este compositor, fez obras belíssimas, que vamos gradativamente conhecer.

Muito mais do que as conhecidíssima Ave Maria.


Um pouco sobre ele


  • Com sua família formou um quarteto de cordas, que se reuniam aos domingos e feriados: seus irmãos ao violino, seu pai ao violoncelo e Schubert na viola

  • Teve aulas particulares com Salieri ( lembram do filme Amadeus?)

  • Compôs 600 Lieder (canções), muitas com letras de Shakespeare, Heine, Goethe e Schiller

  • Lied, canção alemã, Schubert consolidou como uma nova forma de arte no século XIX

  • No lied, a voz e o piano tem a mesma importância dramática. O piano não está somente acompanhando o cantor.

  • Na realidade, musicou as palavras de todos os grandes poetas de seu tempo

  • Schubertíades, reuniões informais, literário-musical, realizadas em casas particulares, onde Schubert ao piano, acompanhava cantores e era o centro das atenções

  • Liszt, disse sobre ele: O músico mais poeta que existiu

  • Seu pai possuía uma escola e queria que ele fosse professor primário, mas a sua paixão pela música falou mais alto. Entregou-se a uma vida boêmia, sobrevivendo com a ajuda de amigos, que lhe forneciam casa, comida e muito papel em branco para compor.

  • Dizem que compôs sua famosa Serenata, no verso do cardápio de uma taverna! Ao final da noite, já na rua, lembrou-se da composição deixada sobre a mesa, voltou para recuperá-la! Ainda bem!!

  • Nunca se casou, mas se apaixonou por diversas alunas, ficando impossibilitado por fatores econômicos

  • Teve muita dificuldade em publicar suas obras na época

  • Foi na grande maioria de sua vida, segundo relatos de seus amigos, um homem alegre, consciente do valor de sua obra

  • Seus últimos anos foram passados em solidão. Os amigos foram se afastando pouco a pouco por medo de serem contagiados por tifo

  • Viveu simples e despretensiosamente

  • Um de seus últimos desejos, foi ouvir, na cama, o Quarteto No 14 de Beethoven, compositor pelo qual foi sempre grande admirador. Seu desejo foi atendido

  • Está sepultado no cemitério de Viena, onde também repousam: Beethoven, Brahms, Johan Strauss


Tenho um cachorrinho schnauzer, que amo de paixão, cujo nome é......Schubert. Preciso dizer mais?


Escolhi para hoje, uma obra que me toca profundamente. É a Fantasia em Fá menor para piano a 4 mãos, de Schubert. Vocês vão ficar maravilhados com a interpretação de Marc Yu (1999), prodígio pianista e violoncelista americano, que nesta apresentação tinha apenas 9 anos.

Lang Lang (1982) com quem se apresenta, é o consagrado pianista Chinês. Foi o primeiro pianista desta nacionalidade a ser contratado pela Orquestra Filarmônica de Viena e Orquestra Filarmônica de Berlim.




O LIGNE DES ARTS QUARTIER - MÚSICA




É um projeto inédito, criado pelo Quartier des Arts.

Sob a batuta da especialista Clarice Miranda, o objetivo é trazer a todos um amplo e compartilhado processo de imersão na música clássica através de conhecimentos que facilitarão um maior aproveitamento desta arte tão especial.







As publicações ocorrem todas às quartas, de manhã!







E, além disso há uma LINHA DIRETA, com nossa especialista que estará disponível para responder perguntas, discorrer sobre os assuntos abordados e também resolver dúvidas sobre música de forma geral.




As perguntas poderão ser inseridas nos posts com as chamadas para o Ligne des Arts em nosso grupo do Facebook e também, diretamente para ela, na parte final dos encontros on-line de música Clássica.








CLARICE MIRANDA

Educadora musical, musicoterapeuta, soprano, letrista e compositora, membro da academia de cultura de Curitiba, atuou como solista em diversos grupos vocais, gravou participações com a Orquestra Sinfônica de Berlim, música com letra de sua autoria.

Ministrou palestras e cursos regulares nos seguintes lugares: Casa de Cultura Solar do Rosário, em Curitiba; Centro paranaense feminino de cultura em Curitiba, Centro Cultural Banco do Brasil em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília; todas as capitais brasileiras, através do circuito cultural do Banco do Brasil; Miami, para comunidade brasileira.

Publicou os seguintes livros: Formação de Plateia em Música - Cultura Musical para Todos. Desvendando a Orquestra - Formando Plateias do Futuro. Finalista do prêmio Jabuti; coleção com dois volumes: A História da Música e sua Relação com as Outras Artes e Instrumentos Musicais. Finalista do prêmio jabuti; coleção Desvendando: canto coral, banda e fanfarra e orquestra; Conhecendo a Orquestra e o Maestro; Orquestra: histórico, Regência e Instrumentos. e hoje é curadora da orquestra Ladies Ensemble e consultora musical do auditório Regina Casillo, em Curitiba.










grupoquartierdesarts@gmail.com


Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon

Q u a r t i e r   d e s   A r t s 

c o n f r a r i a  c u l t u r a l